Travel News

Accor planeja 600 hotéis nas Américas até 2027

Divulgação

Accor inaugurou 8 hotéis no Brasil em 2023

A Accor definiu o seu plano de crescimento e desenvolvimento da divisão de hotéis Premium, Midscale & Economy (PM&E) em toda a região das Américas. Neste perímetro, a empresa se prepara para um crescimento forte na divisão PM&E, que pretende aumentar o seu portfólio atual de 450 hotéis para 600 nos próximos quatro anos, principalmente em países onde detém liderança de mercado, como o Brasil, que deve ganhar cerca de 30 hotéis nesse período.

No ano passado, a Accor inaugurou dez hotéis PM&E na região, somando cerca de 1,3 mil quartos ao portfólio: ibis Styles Campinas, ibis budget Pindamonhangaba, By Mercure Araraquara, ibis Styles Manaus, ibis Guarapuava, ibis Barra do Garças, ibis Styles Presidente Prudente Portal D’Oeste e ibis Tubarão no Brasil, Novotel Mexico City Centro Histórico no México, e ibis Styles Guayaquil no Equador.

No Brasil, onde conta com mais de 330 hotéis, a rede tem como objetivo manter a sua liderança em todos os segmentos, ao mesmo tempo que promove o crescimento das suas marcas premium, como Pullman Hotels & Resorts e Swissôtel Hotels & Resorts, que deve estrear no País. Em outros segmentos, a empresa expandirá Handwritten Collection nas Américas, com primeira unidade no México em Nuevo Vallarta, e também trará a Tribe para o Brasil, com seu primeiro destino em Belo Horizonte.

Em 2023, foram assinados 19 contratos na divisão PM&E Américas, totalizando 2.878 quartos. Desses contratos, 90% são franquias e 40% representam conversões, dois modelos de negócios que continuarão com foco prioritário e que irão impulsionar cada vez mais o desenvolvimento futuro da companhia. Seis marcas da Accor – ibis, ibis Styles, ibis Budget, Mercure, Novotel e Handwritten – estão contempladas pelos novos acordos.

Estes 19 contratos foram assinados em cinco países, sendo que o Brasil representa metade dos quase três mil quartos. Os hotéis brasileiros são: ibis Luís Eduardo Magalhães, ibis Styles Goiânia Shopping Estação, ibis Styles Manaus, ibis Styles Porto Velho Shopping, ibis Styles Sorriso, ibis Styles Teresópolis, Novotel Uberlândia, Novotel Sinop, ibis Mogi Guaçu, ibis Styles Toledo e ibis Lucas do Rio Verde.

“No Brasil, continuaremos abrindo grandes hotéis em capitais, mas também investiremos em hotéis menores, da marca ibis principalmente, no interior em cidades importantes para o agronegócio”.

Abel Castro, diretor de Desenvolvimento da Accor nas Américas para as marcas PM&E

PANROTAS / Emerson Souza

Abel Castro, diretor de Desenvolvimento da Accor nas Américas para as marcas PM&E

Abel Castro, diretor de Desenvolvimento da Accor nas Américas para as marcas PM&E

Os demais contratos nas Américas contemplam quatro hotéis na Argentina – ibis Styles Lomas de Zamora, Mercure Merlo San Luís, ibis Puerto San Martin Santa Fé e ibis Styles Escobar –; ibis Styles Armenia Av. Centenario na Colômbia; ibis budget Manta no Equador e Mercure Marival Emotions e Marival Distinct – a Handwritten Collection Hotel no México a partir de acordo para a gestão de ativos da marca Marival.

Pipeline

Ao todo, o grupo possui 113 hotéis em pipeline (77 hotéis da divisão PM&E e 36 L&L). Na divisão Luxury & Lifestyle (L&L) Américas houve nove assinaturas (equivalentes a 2,2 mil quartos). A expansão no segmento de Branded Residences também está na mira do grupo, que assinou recentemente o contrato para o projeto de luxo do Faena São Paulo, mas este segmento de residências de alto padrão também pode ser atendido por marcas Premium e Midscale.

2024

Em 2024, o diretor de Desenvolvimento da Accor nas Américas para as marcas PM&E, Abel Castro, espera realizar um número de assinaturas “ainda maior que o de 2023”. No ano, são esperadas 15 inaugurações da Accor nas Américas, totalizando cerca de três mil quartos.

Venda de ativos?

O Portal PANROTAS foi informado de que a Accor Invest, empresa proprietária de 44 ativos da Accor Management, está buscando vendê-los, principalmente os prédios do Sofitel Ipanema e Fairmont Copacabana.

Questionado sobre o fato, Abel Castro reforçou que são duas empresas diferentes, e que a Accor Management possui apenas 25% da Accor Invest. Por isso, não cabe a ela decisões sobre os ativos, mas a Accor Invest está “continuamente em busca de bons negócios”.

Esta empresa apoia o Fórum PANROTAS 2024

About author

Articles

Hudson, the travel scribe, paints the world with his words. His tales are a passport to unseen places, his passion, the compass guiding his journeys. From the rhythm of city life to the tranquility of nature, he weaves narratives that are not just travelogues, but love letters to exploration and storytelling.
Related posts
Travel News

American Revolution began 249 years ago: Here are 5 overlooked tourist spots about fight for independence

The grand events and oft-told tales of the American Revolution are easy to find among sprawling…
Read more
Travel News

Fazenda deve aceitar custo de R$ 15 bi para PERSE

Divulgação Fernando Haddad, ministro da Fazenda O Ministério da Fazenda sinalizou que está…
Read more
Travel News

Greece sightseeing travel guide: ancient ruins, rugged mountains, and Mediterranean waters

Greece has long been a wildly popular tourist destination for Americans and Europeans alike. Here…
Read more
Newsletter
Become a Trendsetter
Sign up for Davenport’s Daily Digest and get the best of Davenport, tailored for you. [mc4wp_form id="729"]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *